Cirurgia Plastica de Abdominoplastia – Como é – Antes e depois


Se você está pensando em fazer uma cirurgia para retirada do excesso de gordura e pele abdominal, você terá que fazer uma Cirurgia Plastica de Abdominoplastia. O objetivo é ficar com a barriga lisinha e firme, e sem aquela flacidez toda.

Geralmente este tipo de cirurgia é indicado para mulheres e homens que tiveram uma perda de peso excessiva, ou após uma gestação, quando a pele fica sobrando e extremamente flácida.

É importante saber que em alguns casos quando existe somente um pequeno acúmulo de gordura localizada na região da barriga, o médico poderá fazer somente um mini abdominoplastia ou em outros casos somente uma lipoaspiração já resolverá o caso.

O que é Abdominoplastia

Como já dissemos, essa cirurgia tem como função a diminuição da gordura abdominal, removendo a massa adiposa acumulada na região, removendo a flacidez da pele e as marcas de inchaço.

Com esse procedimento também é possível retirar as estrias, caso existam no local, uma vez que é feita a retirada do excesso de pele. Sendo assim, a região fica lisinha e tonificada.

Como é a Cirurgia

Este procedimento invasivo também pode ser conhecido por outros nomes como Plástica de abdômen ou Dermolipectomia de abdômen.

O primeiro passo é a avaliação que será feita pelo especialista no abdômen do paciente. e nessa avaliação serão considerados a quantidade de gordura e onde esta está localizada. Também serão avaliados o excesso de pele e/ou a diástase dos músculos abdominais.

Anestesia

Normalmente existem 2 tipos de anestesias mais comuns para este fim que são a raqui ou a peridural com sedação.

Tempo de internação

Normalmente o paciente não fica mais do que 1 dia internado, salvo se acontecer alguma coisa fora do normal.

Geralmente essa cirurgia acontece com 2 incisões:

  1. A primeira incisão será na região logo acima dos pelos da púbis e se dá na horizontal, levemente curvada para cima.
  • A forma e a extensão do corte, será de acordo com a necessidade de retirada da pele.
  • Será feita uma marca em elipse sendo que a primeira incisão será na parte debaixo do abdômen.

2. Já a segunda incisão será realizada na vertical, tendo fim ao redor do umbigo.

  • É por essa incisão que o excesso de pele da parte superior será separado das camadas profundas.
  •  Depois do descolamento, os músculos serão suturados com o objetivo de deixar a barriga mais firme e plana e a região da cintura mais definida.
  • O excesso de pele será esticado para baixo para a remoção, enquanto será feito um orifício para que o umbigo possa ser colocado no seu local correto novamente.

Após a cirurgia 

  • Serão colocados drenos de aspiração no abdômen, para evitar o acúmulo de líquido na região;
  • Os drenos serão inseridos na região baixa do abdômen, próximo à púbis, assim a cicatriz poderá ser disfarçada entre os pelos pubianos;
  • Os drenos podem ser retirados já no dia da cirurgia, mas em alguns casos o paciente poderá ir para casa com o dreno que é de fácil manuseio;
  • A dor só é sentida na hora da retirada dos drenos, e isso deve ser feito na clínica;
  • Depois disso é feito a sutura e são colocados os curativos e bandagens.

Duração do procedimento

Apesar de variar muito de caso para caso, tempo médio de duração dessa cirurgia é de 1 a 3 horas. Esse tempo varia de acordo com o excesso de pele a ser retirado e se essa será associada a um lipo, por exemplo, ou não.

Importante: A cirurgia não deve ser muito demorada, pois aumenta as chances de trombose no paciente.

Cicatriz

O tamanho da cicatriz vai depender do excesso de pele que será retirado, mas já durante a consulta com o cirurgião plástico antes da cirurgia poderá se ter uma noção do tamanho e onde ficará a cicatriz.

Quem pode e quem não pode fazer

Esse procedimento é indicado para pessoas com estrias ou gorduras acumuladas na região da barriga, e também flacidez e excesso de pele.

Então, homens e mulheres saudáveis e relativamente em forma, são os que podem fazer esse procedimento.

Tipos de Abdominoplastia

Além da abdominoplastia normal, que abrange uma extensão maior,  ainda existe a:

  • Miniabdominoplastia – com extensão menor.

Tanto uma como a outra, podem ser associadas à lipoaspiração para evidenciar os contornos corporais.

Preços médios

Os preços de uma cirurgia como esta podem variar muito, dependendo da extensão do procedimento entre outros fatores, mas em média custa de 10 a 25 mil. Depende muito também do local e se serão aliadas outras técnicas ou não.

Esses custos normalmente envolvem os custos da equipe toda composta pelo cirurgião, assistente, anestesista e instrumentadora.

Importante: Devem ser levados em consideração so gastos posteriores também com malha compressiva, drenagens linfáticas e o afastamento do trabalho.

O processo de Recuperação

A malha compressora será obrigatória pelos próximos 35 dias após a Cirurgia Plastica de Abdominoplastia.

Deve-se ainda:

  • Evitar esforços físicos;
  • Manter a postura levemente curvada pelos primeiros 15 dias;
  • Caminhar dentro de caso com amparo de alguém;
  • Evitar subir e descer escadas;
  • Não usar roupas apertadas;
  • Não dirigir sem a liberação médica;
  • Ter cuidado ao sentar-se, nem esticando nem curvando demais;
  • Evitar exposição solar e excesso de calor na região;
  • Usar filtro solar;
  • Seguir as orientações médicas.

Fotos Antes e Depois

Veja os resultados de diversos procedimentos feitos e a cicatriz que fica na pele.

O excesso de pele é removido e a autoestima é novamente renovada após o procedimento.
Aquela barriquinha flácida já não mais existirá.
Muitas vezes é melhor uma pequena cicatriz do que aquele excesso de pele que tira a alegria de qualquer mulher.
O corpinho lindo e jovem pode ser novamente dado a você.
Não mais pele de sobra na região do Abdomem.